Terça, 22 de Setembro de 2020
55933002617
Saúde Covid-19

O Rio Grande do Sul é um dos Estados com menor índice de mortalidade por coronavírus

Estatística aponta 32,6 vítimas da Covid para cada 100 mil gaúchos.

05/09/2020 21h53
Por: Redação Fonte: O Sul
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Mais de cinco meses após o primeiro óbito por coronavírus no Rio Grande do Sul (ocorrido em 24 de março), o Estado possui um dos menores índices de mortalidade pela doença no Brasil: 32,6 vítimas a cada 100 mil habitantes (0,32%), se considerado todo o período da pandemia. A média nacional é de 0,58%, ou seja, quase o dobro da gaúcha, 25ª colocada nesse quesito.

O Comitê de Dados do Palácio Piratini atribui o fato a medidas de enfrentamento à pandemia, tais como o sistema de distanciamento controlado, em vigor há 18 semanas e que define as restrições de atividades nas regiões do mapa conforme o status epidemiológico, classificado pelas bandeiras amarela (baixo risco), laranja (médio), vermelha (alto) e preta (altíssimo).

“Ainda estamos longe de vencer essa guerra, mas parece evidente que todo o esforço de diferentes áreas do governo, prefeituras e sociedade vem surtindo bons resultados”, avalia a coordenadora do colegiado, Leany Lemos:

“É importante que a população siga atenta aos cuidados individuais para evitar ao máximo novos casos de coronavírus e que se tenha responsabilidade em relação aos protocolos na retomada gradativa das atividades econômicas. Na fase atual, de cogestão do distanciamento controlado, ampliam-se flexibilizações mas também o compromisso de todos em preservar o que já conquistamos”.

O mais recente boletim epidemiológico da SES (Secretaria Estadual da Saúde) contabilizou até este sábado (5) a ocorrência de 143.485 casos confirmados de coronavírus no Rio Grande do Sul desde o começo da pandemia, na primeira quinzena de março. Destes, 129.047 (cerca de 90%) estão recuperados. Já o número de falecimentos totaliza 3.714, a maioria idosos.

Distanciamento controlado

Após uma semana com apenas quatro das 21 regiões do Rio Grande do Sul sob bandeira vermelha (alto risco para coronavírus), o novo mapa preliminar do sistema de distanciamento controlado ampliou para 12 o número de áreas sob tal status epidemiológico. As demais aparecem indicadas pela cor laranja (médio risco), conforme anunciado na sexta-feira (4) pelo governo do Estado.

Estão em vermelho as regiões de Porto Alegre, Canoas, Novo Hamburgo, Guaíba, Taquara, Capão da Canoa, Palmeira das Missões, Erechim, Santa Cruz do Sul, Lajeado, Santo Ângelo e Cruz Alta. Essas duas últimas já estavam assim classificadas na rodada anterior (17ª), juntamente com Ijuí e Santa Rosa, que “desceram” para o laranja e agora fazem companhia a Santa Maria, Uruguaiana, Bagé, Erechim, Caxias do Sul, Cachoeira do Sul e Passo Fundo.

Ao todo, 261 dos 497 municípios gaúchos estão sob bandeira vermelha. Esse grupo responde por 6,7 milhões dos 11,3 milhões de habitantes do Rio Grande do Sul, ou seja, 59,5% do total.

Por tratar-se do mapa preliminar, as prefeituras e associações regionais têm até a manhã deste domingo (6) para enviar recursos para tentar modificar bandeiras. Os pedidos serão analisados até a segunda-feira, quando o Gabinete de Crise divulgará o resultado definitivo da rodada, que entrará em vigor no dia seguinte.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Três de Maio - RS
Atualizado às 10h55 - Fonte: Climatempo
17°
Tempo aberto

Mín. Máx. 25°

17° Sensação
11.8 km/h Vento
45.9% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (23/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 11° Máx. 28°

Sol com algumas nuvens
Quinta (24/09)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 14° Máx. 28°

Sol com algumas nuvens