Dólar comercial R$ 5,35 0.771%
Euro R$ 6,48 +1.15%
Peso Argentino R$ 0,06 -0.15%
Bitcoin R$ 201.480,86 -2.964%
Bovespa 120.636,39 pontos -0.5%
Economia Economia

Economia criativa terá linha especial de financiamento do BRDE no Rio Grande do Sul

O anúncio da oferta de crédito para o setor, que terá taxas de juros entre as mais baixas do mercado, ocorreu na manhã desta quinta-feira (14).

14/01/2021 15h18
Por: Redação
Foto: Itamar Aguiar/Palácio Piratini
Foto: Itamar Aguiar/Palácio Piratini

Responsável por cerca de 130 mil empregos formais antes da chegada da pandemia de coronavírus, as empresas da economia criativa no Rio Grande do Sul terão uma linha especial de financiamento disponibilizada pelo BRDE (Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul).

O anúncio da oferta de crédito para o setor, que terá taxas de juros entre as mais baixas do mercado, ocorreu na manhã desta quinta-feira (14), em evento na sede do banco, com as presenças do governador Eduardo Leite e da diretora-presidente do BRDE, Leany Lemos.

“Sabendo do impacto econômico, do potencial em geração de emprego e da forte conexão com os novos tempos, o incentivo à economia criativa já estava no nosso planejamento de governo. Diante do grave quadro sanitário, que impactou fortemente o setor, buscamos construir soluções. Já temos uma carteira de opções bastante expressiva, como editais da Lei Aldir Blanc, programa RS TER e oferta de microcrédito. Mas também demandamos esforço também do BRDE, um banco público focado no desenvolvimento e com vocação para atender ao interesse maior da sociedade, o que se concretiza nessa linha de financiamento”, afirmou o governador.

“Nossas ações não se esgotam aqui. Continuamos dialogando para construir novas soluções para a retomada de eventos e atividades culturais de forma a preservar vidas e a economia”, complementou Leite.

A linha de financiamento está no escopo do programa Recupera Sul, lançado pelo banco no ano passado para socorrer os setores mais afetados pela pandemia. Além de crédito para capital de giro das empresas e a possibilidade de oferta para investimento no pós-pandemia, com prazos diferenciados e análise de acordo com a demanda, a linha do BRDE para a economia criativa vem acompanhada de uma nova diretriz.

“Vamos oferecer treinamento e orientações para acessar o crédito, ajudando no planejamento e na organização das empresas”, destacou Leany. Além desse suporte, o banco se compromete a simplificar a análise dos pedidos, com a elaboração de um relatório específico e sucinto para o setor. Os recursos para a linha de financiamento têm origem de fundings captados pelo banco e recursos próprios.

“Diante da importância cada vez maior da economia criativa na geração de empregos, renda e inovação, o BRDE considera importante essa ação, em especial neste momento crítico que todos seguimos vivendo com a Covid-19”, enfatizou Leany.

Entre abril e o final de 2020, o banco concretizou 223 operações de crédito no programa Recupera Sul, considerando somente os financiamentos de valores inferiores ao usualmente praticado, entre R$ 50 mil e R$ 200 mil, chegando ao total de R$ 40 milhões. No âmbito da economia criativa, foram já realizadas 60 operações de crédito no volume de R$ 7,6 milhões, com valor médio de R$ 127 mil.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Três de Maio - RS
Atualizado às 03h41 - Fonte: Climatempo
19°
Muitas nuvens

Mín. 18° Máx. 29°

19° Sensação
14.5 km/h Vento
92.5% Umidade do ar
90% (12mm) Chance de chuva
Amanhã (21/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 18° Máx. 30°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Sexta (22/01)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 30°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.